Pesquisar este blog

domingo, 29 de novembro de 2015

SHOW PATRICIA MARX – CHARME DO MUNDO – 07/03/98




Esse foi um show muito especial pra mim. O Sander, meu grande amigo de Manaus,  que durante um bom tempo, dividiu a “presidência” do fã-clube comigo,  estava vindo ao Rio para passar o carnaval e pudemos nos conhecer pessoalmente (enfim) em um encontro emocionante para ambos.   Nos dias seguintes, fizemos vários passeios pela cidade, incluindo visitas a pontos turísticos (Pão de açúcar, shoppings e Sambódromo, onde ao invés de prestar atenção ao desfile, ficamos definindo as matérias do próximo jornalzinho do fã-clube), tirar fotos em uma loja de discos antiga da rodoviária que tinha vários LPs “Quero Mais” (que tratamos de colocar na frente de discos de outros artistas kkkkkk). Mas o melhor estava por vir: Resolvemos ligar para D. Cristina (mãe da Patricia) para saber se ela estaria fazendo algo no Rio nos próximos dias e qual não foi nossa surpresa ao descobrir que ela faria o show de lançamento do CD Charme do Mundo no Mistura Fina na próxima semana! O Sander tratou de remarcar a viagem de volta e ficamos imaginando como seria, super felizes. Ela se apresentaria nos dias  06 e 07 de março , mas eu só poderia ir no dia 07, pois estava somente há uma semana trabalhando a noite em um novo emprego e não poderia faltar de jeito nenhum!
O Sander foi no dia 06 também e me contou empolgado, tudo que tinha acontecido: Na plateia  estavam famosos como Adriana Esteves, José de Abreu, Marcos Frota, Carolina Dieckman e  Ivo Meirelles, a Patricia tinha se apresentado com um vestido e blazer vermeho, cantou todas as músicas do álbum e foi super aplaudida,  ele conseguiu falar com ela após o show e ela foi super carinhosa com ele...
No dia seguinte  enfim, chegou o meu dia! Marcamos lá pois eu iria com outros membros do fã-clube, que desmarcaram horas antes e não puderam ir. Entramos e conheci o lugar, que já tinha ouvido falar na TV e nos jornais e era super conhecido na cidade. Vi que era um lugar intimista e aconchegante  (aliás, o Mistura Fina não existe mais e todos sentem falta até hoje!). Ela foi anunciada no palco  e cumprimentou o público  (Não sem antes dar sorrisos e piscadinhas pra gente. Estávamos na mesa em frente ao palco e nossa visão de tudo que acontecia era ótima). Ela abriu o show com “Nosso Louco Amor”.  Pouco depois ela tirou o blazer vermeho, ficando apenas com o vestido vermelho que você vê nas fotos abaixo. Seguiu,nesssa ordem, com “Go-Back”, “O Último Romântico”, “Como eu Quero”, “Me Liga”, “Pra que vou Recordar”, “Charme do Mundo”, “Cada Um, Cada Um”, “Chorando no Campo” e “O Melhor Vai Começar”. Depois dos agradecimentos, cantou novamente “Nosso Louco Amor” e se despediu. Mas com vários aplausos e gritos de BIS, ela voltou ao palco e cantou “Espelhos D’agua”, “Quando Chove” e “Ficar com Você”, as três em surpreendentes versões tecnobossa, combinando com a atmosfera do disco e do show.
Diferente do primeiro dia, que era estreia e tinha convidados da gravadora e entrevistas para imprensa, ela pôde ficar mais tempo conversando com a gente e foi muito bom,  um dos meus melhores dias com a Patricia. E além disso, esse show foi especial por eu ter dividido minha alegria com o Sander, que via a Paty pela segunda vez apenas (antes disso, ele esteve com ela em um show em Boa Vista – PA, mas isso é assunto para outro post) e poder conhecê-lo depois de tanto tempo nos falando apenas por cartas e telefonemas, foi um dos momentos mágicos da minha vida. E coroar isso tudo com um show maravilhoso da Patricia Marx fazia tudo ficar infinitamente melhor...

                                                     Entrando no palco, linda e glamourosa

 Ainda na primeira música e com o blazer

Super sensual durante o show 

Quando ela veio para a mesa com a gente

 Meu click solo com ela

Eu, Patricia e Sander, pela primeira (e infelizmente, única)
vez juntos 

 Patricia Marx e Carolina Dieckmann após o show do dia 06



                    Patricia Marx e Adriana Esteves no mesmo dia            


Essa é a foto que prova nossa "arte" na loja de discos (hehe)

Nenhum comentário: